NOTA: Qualquer pessoa que se sinta ofendida pelos conteudos /opiniões aqui expostos deve demonstrá-lo para o email abaixo indicado. Os comentários estão abertos com a devida moderação e os artigos a publicar neste BLOG devem ser enviados para o email:
vozeslivresmacao@sapo.pt
Visitantes Online
Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

Dr. SALDANHA ROCHA (Arrisca-se) a Ficar Descredibilizado!

O Sr Presidente da Câmara Municipal de Mação

 

Assim,

 

Arrisca-se a Ficar Descredibilizado!
 

 

Não posso deixar de comentar a notícia do não desemprego em Mação. Importa saber, conhecer, as razões porque não há desemprego no Concelho, e, estas são as piores.

Primeira Razão:  Desertificação, para a qual o executivo do PSD Mação na Câmara, tem dado uma forte contribuição.
 
Segunda Razão:  Mais de 50% da população activa que reside no Concelho, exerce a sua actividade profissional nos concelhos limitrofes, fora do Concelho.
 
Terceira Razão:  Mais de 95% da população jovem residente no Concelho e que entra no mercado de trabalho, tem que sair do Concelho para o conseguir.
 
Podemos concluir, que o não desemprego no Concelho de Mação, aparentemente parece uma boa situação, mas é a pior que podiamos ter, resultante da falta de políticas adequadas que levou á paralização económica do Concelho.
 
Não tem nada a ver com a resposta do  Sr Presidente Saldanha Rocha, respondeu assim a um orgão de comunicação social:  "O sucesso deve-se ao nosso esforço e a algumas empresas que se têm vindo a instalar..."
 
O Sr Presidente Saldanha Rocha, tambem aqui, deu uma resposta nada séria.
 
José Augusto

Publicado por vozeslivresmacao às 17:46
| Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
|

Abaixo o Cartel

 

Cuidado!!! Não deixem de pôr na TOTAL, senão começam a andar a pé!!!

Publicado por vozeslivresmacao às 17:19
| Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
|
Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

O Sucesso do Vozes Livres Mação

 

 

O Vozes Livres de Mação JÁ É UMA REFERÊNCIA EM MAÇÃO!!!

 

  

25/05/2008 - Report semanal (Vozes Livres Mação)
 
Tráfego mensal

 

Este relatório mostra o número de páginas vistas e o número de visitas que este site tem  recibido no último ano por meses.

 

 

 

Utilizadores por País

Este relatório mostra o número de utilizadores que se ligam desde cada pais. Esta informação obtem-se a partir do ip alcançando uma grande fiabilidade.

 

 

Sempre a SUBIR NAS AUDIÊNCIAS!!! A responsabilidade é cada vez maior!!!

 

Publicado por vozeslivresmacao às 17:50
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|

ETERNA RÁDIO

Manuel Sousa Casimiro, ao centro.

 

 
O Manuel Sousa Casimiro, 52 anos,um dos fundadores da Rádio Antena Livre de Abrantes, deixou-nos. Não há uma idade para partir mas costumamos dizer que a morte o levou ainda muito jovem. Ninguém sabe de que ondas se faz a Eternidade mas sabemos que o Manel quis ajudar muita gente, na sua breve passagem por este mundo, a tornar eternos os dias habitados pelas ondas da rádio que, um dia, com mais dois ou três companheiros, primeiro, e um punhado de mais gente, depois, fizeram de Abrantes a capital das rádios locais.
O seu empenhamento, quer como rádio amador, primeiro, quer como amador da rádio a tempo inteiro, depois, faz com que o seu nome fique para sempre ligado a uma experiência que pôs Portugal inteiro a comunicar entre si desafiando os poderes instituídos de então mas acabando por ver reconhecida essa nova realidade da comunicação regional radiofónica.
Para a família do Manuel fica o meu abraço solidário.
Quanto a ti, Manel, deixo-te esta fotografia do nosso primeiro encontro de rádios, em Abrantes. A vida continua a ser um desafio enquanto não chega, para nós,  esse Desafio outro, o da Eternidade.
 
 
 
 
 
 
António Colaço

 

Publicado por vozeslivresmacao às 16:54
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Futura Zona Industrial da Ortiga

 

Exmo Senhor
Elvino Pereira
Presidente da Mesa da Assembleia Municipal de Mação
Rua Padre António de Figueiredo
P – 6120 – 750 Mação
 
REQUERIMENTO 09/2007
 
 
Luís Sérgio Matos Silva, membro desta assembleia eleito na lista do PS vem requerer, nos termos conjugados dos artigos 46-A.º, n.º 1, alínea e), 53.º, n.º1, alíneas c) e f), 54, n.º 1, alínea j) da Lei n.º 169/99, de 18 de Setembro com a redacção que lhe foi dada pela Lei n.º 5-A/2002, de 11 de Janeiro e dos artigos 5.° n°.1 alínea e) e i) e 31.° do Regimento da Assembleia Municipal de Mação, que seja informado por escrito do seguinte:
 
Em virtude da CM Mação, pretender criar uma nova Zona Industrial na freguesia de Ortiga, importa perceber a lógica, o contexto da mesma, a legalidade presente e futura, possiveis dificuldades quanto ao uso do solo, entre outras situações.
 
Face ao acima descrito, pretende saber-se:
 
  1. A localização exacta da área adquirida ou a adquirir;
  2. Qual a identificação do(s) proprietário(s) deste(s) terreno(s);
  3. Quantidade da área adquirida e preço;
  4. Enquadramento deste terreno no actual PDM e qual o previsivel enquadramento no futuro PDM;
  5. Cópia da deliberação de Câmara e rubrica orçamental que sustenta a compra. No caso de já ter sido pago cópia da ordem de pagamento ;
  6. Outra informação que se julgue necessária a uma melhor compreenção;
 
30/04/2008
 
 
O Membro da Assembleia Municipal,
Publicado por vozeslivresmacao às 16:02
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Tribunal de Mação

 

Moção
O tribunal judicial de Mação e a proposta de lei do Governo
sobre a organização e funcionamento dos tribunais
 
Considerando a proposta de lei sobre a organização e funcionamento dos tribunaisaprovada pelo Conselho de Ministros em 12 de Março último;
Considerando que esta proposta foi entregue na Assembleia da República em 1/04/2008 (proposta n.°187/X) e publicada no Diário da Assembleia da República na  II Série A - Número: 077, de 5 de Abril de 2008 ;
Considerando que a proposta baixou à Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, tendo sido nomeado relator o Deputado António Montalvão Machado (PSD) ;
Considerando o acordo político-parlamentar para a reforma da Justiça celebrado entre o PS e o PSD, na parte relativa à revisão do mapa judiciário ;
Considerando que a proposta de Lei  é portadora de uma reorganização territorial dos tribunais portugueses segundo a qual os distritos judiciais passam a coincidir com as Nomenclaturas de Unidade Territorial Para Fins Estatísticos (NUTS II);
Considerando que a partir de 1 de Setembro de 2010 o concelho de Mação integrará o distrito judicial de Lisboa e Vale do Tejo, com sede em Lisboa e a comarca do «Médio Tejo», constituída a partir da agregação dos municípios de Abrantes, Alcanena, Alvaiázere, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha;
Considerando o novo modelo de competências dos tribunais que elimina a distinção entre tribunais de competência específica e de competência especializada, prevendo o desdobramento das novas comarcas, em 3 níveis de especialização: Pequena, Média e Grande Instância e a criação de uma ampla variedade de juízos de competência especializada;
Considerando que a reforma do mapa judiciário prevê o arranque de 3 experiências piloto em 3 novas comarcas: Alentejo Litoral, Grande Lisboa Noroeste e Baixo Vouga;
Considerando que a figura do Conselho de Comarca dá voz aos municípios no processo de administração da comarca e da prestação dos serviços de justiça;
E,
Considerando a moção aprovada nesta Assembleia, em 28 de Setembro de 2007, na parte que defende a manutenção intransigente do Tribunal Judicial de Mação,
Vêm os membros da Assembleia Municipal de Mação manifestar a sua posição pública relativamente ao conteúdo desta proposta de Lei naquilo que ela representa para o acesso à justiça por parte dos municípes do Concelho, aprovando a presente MoçÃo nos termos que se seguem:
1. Deve esta Assembleia Municipal expressar o seu global apreço pelo conteúdo da proposta no que respeita à reforma do mapa judiciário e do acesso à justiça dos respectivos municípes que fica agora alinhada com a nova comarca do “Médio Tejo” e o distrito judicial de Lisboa e Vale do Tejo;
2. Atendendo ao novo modelo de competências, com a entrada em vigor da lei de organização e funcionamento dos tribunais, devem ficar sedeados no actual Tribunal de Primeira Instância de Mação Juízos de Pequena e Média Instância Cível e Criminal;
3. Caso o volume de movimentos processuais existentes prejudique a instalação de Juízos de Pequena e Média Instância Cível ou Criminal, deve ser o Tribunal Judicial de Mação mantido com a sedeação de um juízo de competência especializada, por forma a salvaguardar o princípio esencial da reforma relativo à existência em vários pontos da nova comarca de tribunais no respeito dos elementos de proximidade e de especialização.
A presente moção deve ser submetida, após aprovação em minuta para sua execução imediata, ao Presidente da Assembleia da República, aos Presidentes dos Grupos Parlamentares e ao Presidente da Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, devendo da mesma ser dado connhecimento, às seguintes entidades:
- Sua Excelência o Ministro da Justiça;
- Senhor Bastonário da Ordem dos Advogados;
- Presidente da Associação Sindical do Juízes Portugueses;
- Deputados eleitos pelo Círculo de Santarém;
- Delegação da Ordem dos Advogados de Santarém.
 
Mação, 30 de Abril de 2008
 
Os Membros da Assembleia Municipal eleitos pelo Partido Socialista
Publicado por vozeslivresmacao às 12:35
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Voto de Protesto

 

Exmo Senhor
Presidente da Mesa da Assembleia Municipal de Mação
 
 Ao abrigo do disposto no artigo 27.°, alínea c) do Regimento da Assembleia Municipal de Mação, vêm Luís Sérgio de Matos Silva e João Paulo Simões de Almeida , membros desta Assembleia Municipal, apresentar o protesto seguinte:
1.      Em Agosto de 2007 o Senhor Presidente da Câmara Municipal não se coibiu de dizer na imprensa regional que os requrimentos/pedidos de informação apresentados no ano transacto quase bloquearam os serviços do município, adiantando que – passamos a citar - “os funcionários não têm tempo para fazer mais nada porque andam a recolher as informações solicitadas. Os requerimentos são às dezenas”.
2.      Em  18 de Julho de 2007 solicitou o Senhor Presidente da Câmara parecer sobre a matéria à Comissão de Coordenação Regional do Centro (CCDRC). Em resposta ao solicitado a CCDRC, em parecer datado de 31 de Agosto de 2007 informa a Câmara Municipal de Mação que “os membros da Assembleia Municipal têm direito a obter por escrito as informações solicitadas”.
3.      Considerando o relatório de Actividades de 2007 a fls. 4 a 11, constata-se que as realizações da Câmara Municipal são múltiplas pelo que se conclui que o nosso direito à informação e ao escrutínio da actividade autárquica não inviabilizou o desenvolvimento da autarquia, nem bloqueou o trabalho autárquico.
4.      O nosso protesto fica ainda associado ao facto de toda esta matéria resultar de um pedido de informação apresentado em 8 de Outubro de 2007 e respondido em finais de Março de 2008 com 3 linhas e 2 documentos fotocopiados num total de 4 páginas.
5.      Lamenta-se portanto, a forma  e o estilo como o Presidente da Câmara Municipal e a maioria que o sustenta encaram o normal funcionamento dos órgãos autárquicos revelando nenhum respeito para com os direitos da Oposição e dos seus membros reconhecidos nas leis da República.
6.      Mais se censura o facto de até à data tal parecer não ter sido remetido a este órgão, como seria legitimamente de esperar visto ser  parte interessada.
 
Concluímos,
 
Reiterando a nossa firme vontade de continuar a exercer o nosso mandato sem transigir ou abdicar dos nossos direitos e prerrogativas enquanto membros desta Assembleia Municipal.
 
Mação, 30 de Abril de 2008
 
Os membros da Assembleia Municipal de Mação
 
Luís Sérgio de Matos Silva
 
João Paulo Simões de Almeida
 
Publicado por vozeslivresmacao às 12:31
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Sexta-feira, 23 de Maio de 2008

No Concelho com Menor Taxa de Desemprego

clip_image001.jpgclip_image002.jpgclip_image003.jpg

clip_image004.jpgclip_image005.jpgclip_image006.jpg

clip_image007.jpgclip_image008.jpgclip_image009.jpg

clip_image010.jpgclip_image011.jpgclip_image012.jpg

clip_image013.jpgclip_image014.jpgclip_image015.jpg

clip_image016.jpgclip_image017.jpgclip_image018.jpg

clip_image019.jpgclip_image020.jpgclip_image021.jpg

clip_image022.jpgclip_image023.jpgclip_image024.jpg

clip_image025.jpgclip_image026.jpgclip_image027.jpg

clip_image028.jpgclip_image029.jpgclip_image030.jpg

clip_image031.jpgclip_image032.jpgclip_image033.jpg

clip_image034.jpgclip_image035.jpgclip_image036.jpg

clip_image037.jpgclip_image038.jpgclip_image039.jpg

clip_image040.jpgclip_image041.jpgclip_image042.jpg

clip_image043.jpgclip_image044.jpgclip_image045.jpg

clip_image046.jpgclip_image047.jpgclip_image048.jpg

clip_image049.jpgclip_image050.jpgclip_image051.jpg

clip_image052.jpgclip_image053.jpgclip_image054.jpg

clip_image055.jpgclip_image056.jpgclip_image057.jpg

clip_image058.jpgclip_image059.jpgclip_image060.jpg

clip_image061.jpgclip_image062.jpgclip_image063.jpg

clip_image064.jpgclip_image065.jpgclip_image066.jpg

clip_image067.jpgclip_image068.jpgclip_image069.jpg

clip_image070.jpgclip_image071.jpgclip_image072.jpg

clip_image073.jpgclip_image074.jpgclip_image075.jpg

clip_image076.jpgclip_image077.jpgclip_image078.jpg

clip_image079.jpgclip_image080.jpgclip_image081.jpg

clip_image082.jpgclip_image083.jpgclip_image084.jpg

clip_image085.jpgclip_image086.jpgclip_image087.jpg

clip_image088.jpgclip_image089.jpgclip_image090.jpg

clip_image091.jpgclip_image092.jpgclip_image093.jpg

clip_image094.jpgclip_image095.jpgclip_image097.jpg

clip_image098.jpgclip_image099.jpgclip_image100.jpg

Onde estão os donos destes imoveis?

No emprego, a trabalhar no concelho de Mação?

Num Lar perto de nós?

 

Mas, afinal onde estão?

 

Luis Sergio Silva

 

 

Nota: Senhor Vereador, deixe o Victor em paz!!! Explique mas é, como foram adquiridos os terrenos da futura Zona Industrial da Ortiga?

 

Publicado por vozeslivresmacao às 21:38
| Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|
Segunda-feira, 19 de Maio de 2008

Regulamento Municipal de Publicidade

 

Estes tipos não podem ver ninguém bem. Desta vez a fava saiu aos “Táxis”. Já há alguns anos que todos podemos observar a publicidade afixada nos Táxis, ora a pneus, ora combustíveis, ora restaurantes, ora construção civil, ora residenciais, etc.
No fundo o grande objectivo é rentabilizar economicamente um espaço inócuo num Táxi, transformando este espaço numa fonte de rendimento para a empresa.
Esta pequena empresa inovou e como prémio, vai ter de pagar e não bufar!!!
Desta vez alguém pensou o mesmo na CM Mação, INOVAR!!!
As receitas escasseiam, as dificuldades aumentam, ou seja, o desbaratar de dinheiro é cada vez maior!!!
Oh Taxista!!! Ajuda aí a malta a angariar uns fundos. Epá nós temos que começar a juntar uns trocos para pagar ao Mirrado, no caso dele accionar a tal cláusula do contrato dos Atoleiros!!!
Desculpa aí, Taxista!!! Mas isto está mesmo mau!!!
Isto não era para ti, pá!!!
Isto era para arranjar-mos uns trocos com uma empresa publicitária e ao mesmo tempo mostrar-mos alguma obra no centro de Mação. Tas ver umas flores!!!
Deixa lá, que nós havemos de te compensar!!!
Bom, também não é assim tanto dinheiro, tens sempre a possibilidade de pagar ao ano que é mais barato!!!
 
Exemplo ao ano: 4 fracções de m2 * 50€ = 200€/Viatura por Ano
 
Exemplo ao mês: 4 fracções de m2 * 10€ = 40€ / Viatura por Mês
 
Já sei, chulos dirão os Taxistas !!!
 
Até este blog já foi notificado para pagar!!! Bom nós vamos mudar de concelho e já não pagamos!!!
Mudar quer dizer, vamos para a zona franca entre Mação e Vila de Rei, ninguém consegue dizer de quem é aquilo e a malta assim não paga.

 

Publicado por vozeslivresmacao às 18:09
| Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|
Terça-feira, 13 de Maio de 2008

INTERIORIDADES DE MÁRIO TROPA

 

MÁRIO TROPA OU A MAIORIDADE  DO INTERIOR

 

 

 

Não conhecia Mário Tropa. Já nos tínhamos cruzado no quotidiano de Mação.

 

 

Foi, assim, uma agradável surpresa responder ao amável convite que me fez chegar.

 

(Quantos de nós nos cruzamos uns pelos outros, continuando sem saber aquilo que cada um poderia acrescentar aos dias cinzentos da nossa terra? E não falo apenas no domínio das artes.)

 

Mário Tropa nasceu em Lisboa, em 1941, é licenciado em Artes Plásticas - Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. Bolseiro da Gulbenkian, leccionou em Santarém e na prestigiada Escola Superior de Arte e Design das Caldas da Rainha.

 

Há algum tempo atrás, e é isso que aqui nos traz, lançou mãos à obra e recuperou no Castelo, ali para as bandas da Rua dos Perdigais (até o nome encerra uma musicalidade desafiante para que encaminhemos os nossos passos para lá!),entre outras, uma casa dos avós. Foi aí que o seu avô criou uma escola para os filhos dada a impossibilidade de aprenderem noutro sítio. Era, portanto, a "casa da professora". Como se verá, hoje, para bem de todos nós, as aulas são outras.

 

Assim, desde o dia 3 de Maio, a aldeia do Castelo, e com ela o concelho de Mação, passam a dispor de mais um espaço onde se pode dialogar com as artes plásticas, neste caso, de Mário Tropa (está a pender-me a escrita para que fale do desafio que, em surdina, lhe deixei para que nos desafiasse para uma Colectiva de Arte...a nós, os artistas plásticos maçanicos. Sim, que também somos gente, embora sem a capacidade de iniciativa do Mário! Quer dizer, estarão lembrados de uma exposição que este vosso amigo realizou em metade das treze casas em ruínas do Chão do Brejo e que deu direito a reportagem televisiva. Adiante!).

 

Estas Interioridades de Mário Tropa conduzem-nos, através de traço tão seguro quanto onírico, entre o acrílico e a grafite, pelo diverso mundo do autor.Tanto podemos celebrar um recanto de Lisboa como a epopeia dos descobrimentos ou a fascinante manta de retalhos estendida e revelada a nossos olhos numa apreciável paleta de quentes cores.

 

 

 

Sabendo que ali por perto, um pouco mais acima, anichada na concha do Chão do Brejo, da fascinante Serra do Bando, mora a "aldeia" dos meus encantos, só me (nos) resta agradecer ao Mário Tropa ter apostado na celebração MAIOR da Idade do Interior que ainda um dia fará parte da plena identidademaçanica que tanto tarda a despertar.

 

 

 

Podemos começar, já, pela Rua dos Perdigais.

 

Enquanto as tropas de que precisamos, Mário, tardam em tomar a Serra de assalto.

É outra conversa, bem sei.

 
Para visitar até 31 de Maio.Aos Sábados e Domingos das 15 às 19.

 

 

 

 

 

 

Publicado por vozeslivresmacao às 14:24
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Sexta-feira, 9 de Maio de 2008

Opinião do Manuel Serra d'Aire

Recorte de Imprensa "O Mirante"

 

Como estamos a comemorar mais um Dia do Trabalhador, vem a propósito referir uma nota de imprensa da Câmara de Mação onde se refere com orgulho que esse é o concelho de Portugal con­tinental com menos desempregados. A conclusão é de um estudo realizado pela Marktest, que indica uma taxa de apenas 1,1 por cento de desemprego entre os residentes no concelho. Com a sangria em massa de habitantes das últimas décadas, para mim a notícia não devia ser Mação quase não ter desempregados mas sim o facto de ainda haver gente suficiente por lá para proporcionar um estudo destes.

Ironia à parte, até porque os presun­tos de Mação não merecem tamanha desconsideração, acho que como portu­gueses temos obrigação de estar orgulho­sos com o patamar de desenvolvimento a que chegamos, de pôr um qualquer habitante do Burkina Faso roído de inveja.

 

Publicado por vozeslivresmacao às 18:02
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Terça-feira, 6 de Maio de 2008

Associação de Aeromodelismo Verde Horinzonte

 

Publicado por vozeslivresmacao às 17:48
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|
Segunda-feira, 5 de Maio de 2008

LEGALIDADE!!!

As fotos 1 e 2 mostram as obras na biblioteca/auditório, em que a base do pilar se afasta cerca de 80 cm da antigo varandim/passeio, para a estrada. Será legal? Normalmente qualquer obra não pode avançar para a via pública, mas esta toma parte da Estrada Nacional 3, que liga Mação a Envendos. 
 
 
Mação no seu melhor! Quem fiscaliza?
A foto 3 retirada da revista “Verde Horizonte” mostra a   mesma obra mas sem a coluna a avançar para a estrada.
Palavras para quê? É uma obra da CMM…
António Reis
Publicado por vozeslivresmacao às 17:22
| Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
|

Contacto:

Vozes Livres Mação

Cria o teu cartão de visita

Pesquisar neste blog

 

Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

Posts recentes

Cá se fazem, Cá se pagam!...

a boy for all seasons

Pedro Passos Coelho "o fa...

Banalidades do Correio da...

Vater Marques na Rede Nac...

Judiciária investiga uso ...

Posto de Vigia 74 - Outub...

Posto de Vigia de Setembr...

João Pereira reclama vari...

Ponto de Vigia - Julho/20...

EDP CONTINUA A MANTER NA ...

EIS O QUE ESTE NOVO PSD N...

PONTO DE VIGIA - JUNHO

MAÇÃO . VACARIA VIRA GALE...

CARDIGOS.JUNHO DE 1966 . ...

POSTO DE VIGIA

CONVÍVIOS COM VIDA DENTRO...

MAÇÃO E O BREJO QUE NÃO V...

OBRIGADO,ÉVORA ! SEM PALA...

AS VOLTAS DE UMA RENUNCIA...

QUEM QUER VIR A ÉVORA DE ...

ÁGUA POR FAVOR

"JAZ MORTO, E APODRECE"

SALDANHA ROCHA E CAMÂRA M...

Ponto de vigia Abril 2...

EURICO BRITO LOPES

DE ENCERRAMENTO EM ENCERR...

MAÇÃO - VALENÇA DO MINHO

UMA DAS CONDIÇÕES PARA QU...

Posto de Vigia

Arquivos

Abril 2013

Dezembro 2011

Abril 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

tags

todas as tags

Links

Participar

Participe neste blog

subscrever feeds

blogs SAPO